SapoTelecom
Pesquisar
FacebbokTwitterLinkedinSapo VídeosFoursquareInstagram
“O Estado da Nação” no Congresso APDC 2009
sexta-feira, 20 de Novembro de 2009
O Centro de Congressos de Lisboa voltou a ser palco de um dos principais debates da agenda de comunicações em Portugal: “O Estado da Nação”.

O CEO da PT foi um dos oradores do "Estado da Nação"



O presidente executivo da PT foi um dos intervenientes do debate que finalizou mais uma edição do Congresso das Comunicações promovido pela APDC (Associação para o Desenvolvimento das Comunicações).

O tradicional “Estado da Nação” contou com a presença de vários líderes de empresas de comunicações portuguesas que partilharam a sua visão sobre os grandes desafios e oportunidades para o futuro. “De que forma estão hoje a construir o amanhã? Qual a sua visão das Redes de Nova Geração e do seu papel na economia e na sociedade? Quais as grandes incógnitas e as grandes certezas?” foram algumas das questões que estiveram em debate.

Zeinal Bava falou sobre os investimentos realizados pela PT, as parcerias concretizadas a nível internacional e a aposta no MEO e fibra óptica, na mesa de debate que foi partilhada por Ângelo Paupério (Sonae), António Coimbra (Vodafone Portugal), Estanislau Costa (CTT), Rodrigo Costa (Zon), Xavier Rodríguez-Martín (Oni Communications) e Diogo Vasconcelos (moderador APDC).

Rodrigo Costa, Ângelo Paupério, Zeinal Bava, Diogo Vasconcelos, António Coimbra,
Estanislau Costa e Xavier Rodríguez-Martín

“A resposta que demos à crise foi investir mais”, salientou o CEO. As necessidades e hábitos dos consumidores estão a alterar e as empresas vão ter que ser mais ágeis e flexíveis. “As fronteiras que caracterizam o nosso sector estão a desvanecer.” O investimento que a PT está

António Mendonça, Ministro das Obras Públicas Transportes
e Comunicações, encerrou a sessão

a fazer na fibra óptica representa um investimento de longo prazo, que vai possibilitar entregar novos serviços aos clientes. Como salienta o responsável: “O projecto de fibra vai permitir dar aos portugueses uma experiência de telecomunicações única no mundo”.

Referindo-se à aposta da empresa em mercados internacionais, Zeinal Bava explica que “queremos efectivamente afirmar a PT como um projecto empresarial independente”. O Brasil é uma prioridade uma vez que oferece “oportunidades de crescimento”

 

únicas. O CEO refere que a relação da PT com a Telefónica é “construtiva” sendo que “estamos a trabalhar em parceria” e “o sucesso desta boa colaboração são os resultados” apresentados.

“The Turning Point” foi o mote do Congresso das Comunicações ’09 que nos dias 18 e 19 de Novembro registou a presença de mais de 60 oradores nacionais e internacionais para uma reflexão sobre presente e o futuro do sector das comunicações.

No ano em que comemora 25 anos de existência, a APDC voltou a proporcionar um espaço único para reflexão da revolução que as Tecnologias de Informação e Comunicação estão a desempenhar. Uma iniciativa que contou com o apoio da Portugal Telecom. 

partilhar notícia