30/07/2020

Resultados Altice Portugal - 2º Trimestre 2020

  • ​​1º Semestre com Receitas de 1.021,8M€ (-0,9% face ao período homólogo);
  • Investimento no período aumenta +11,1% atingindo 218,2M€;
  • Altice Portugal atinge no final do 2º Trimestre de 2020, a meta definida para o ano 2020, de 5,3 milhões de casas passadas com Fibra Ótica;
  • Crescimento sólido da Base de Clientes, reforçando a sua liderança de Mercado em todos os segmentos e com reforço dos índices de Satisfação de Clientes e de Qualidade de Serviço.

​A Altice Portugal encerrou o primeiro Semestre do ano 2020 com Receitas a atingir os 1.021,8 milhões de euros, o que representa um ligeiro decréscimo de -0,9% quando comparado com o período homólogo (1.030,5 milhões de euros). A Receita no 2º Trimestre sai assim penalizada pelos impactos da pandemia COVID-19, uma vez que os primeiros três meses do ano foram marcados por um crescimento de +2,6% face a igual
período do ano anterior.

O EBITDA fixou-se nos 411,4 milhões de euros na primeira metade do ano, registando uma diminuição (-2,0%) quando comparado com o mesmo período do ano anterior (419,8 milhões de euros). A performance do EBITDA acompanhou a evolução da Receita e foi igualmente impactado pelos efeitos negativos da pandemia no 2º trimestre deste ano, uma vez que no 1º trimestre de 2020 este indicador cresceu +1,8% face a igual período do ano
anterior.

Neste 1º Semestre, e apesar dos impactos adversos da pandemia, o Investimento (CAPEX) continuou a crescer e aumentou +21,8 milhões de euros, atingindo o montante de 218,2 milhões de euros, o que representa um crescimento de +11,1% versus a primeira metade do ano anterior (196,4 milhões de euros). Mesmo em contexto económico adverso, a Altice Portugal manteve inalterada a sua estratégia de forte investimento no país e no setor, continuando a aposta na expansão da infraestrutura de Fibra, reforço na Inovação tecnológica e na diversificação do Portfólio de Produtos e Serviços.

O 2º Trimestre de 2020 é marcado pelo evento inesperado da pandemia vírica COVID-19, com impactos dramáticos em vários setores do tecido económico e empresarial do país e do mundo, incluindo no mercado das telecomunicações. Neste contexto, a Altice Portugal revelou um desempenho operacional extraordinário e, mais uma vez, manteve e melhorou o crescimento sólido da Base de Clientes, afirmandose mais ainda na liderança do Mercado e reforçando os índices de Satisfação de Clientes e de Qualidade de Serviço.

No 2º Trimestre de 2020, as Adições Líquidas dos três principais serviços do Negócio Fixo e Convergente - Voz, Banda Larga e TV - atingiram um total de 42 mil, mantendo a rota de crescimento sustentado e consecutivo a cada trimestre, desde o ano anterior (+26 mil no 2º Trimestre de 2019, +38 mil no 3º Trimestre de 2019, +28 mil no 4º Trimestre de 2019, +37 mil no 1º Trimestre de 2020 e finalmente +42 mil no 2º Trimestre de 2020).

No Negócio Móvel, a Empresa manteve, também, uma evolução consistente do crescimento da Base de Clientes Pós-Pagos, apresentando evoluções trimestrais consecutivas (+64 mil no 2º Trimestre de 2019, +56 mil no 3º Trimestre de 2019, +42 mil no 4º Trimestre de 2019, +52 mil no 1º Trimestre de 2020 e finalmente +48 mil no 2º Trimestre de 2020).

Estes números reforçam a resiliência e a sustentabilidade da atividade operacional de ambos os Segmentos (Residencial e Empresarial) que resultou na continuidade da Liderança na captação do crescimento do Mercado. No agregado do Mercado, uma vez mais, a Altice Portugal liderou a conquista de novos clientes, capturando 52% das novas adesões no Serviço de Televisão e 42% do Negócio Móvel Pós-Pago.

A Receita neste 2º Trimestre atingiu os 499,5 milhões de euros o que representa um decréscimo de -4,2% versus o período homólogo (521,6 milhões de euros). De forma inesperada, o contexto pandémico interrompeu a rota de crescimento da Receita da Altice Portugal, que tem sido constante nos últimos 5 trimestres (+0,4% no 1º Trimestre de 2019, +1,1% no 2º Trimestre de 2019, +2,1% no 3º Trimestre de 2019, +3,3% no 4º Trimestre
de 2019, +2,6% no 1º Trimestre de 2020 e -4,2% no 2º trimestre de 2020).

A Receita foi afetada particularmente pelo confinamento obrigatório no país, o que se traduziu num menor volume de Vendas de Equipamentos, devido ao encerramento das Lojas, na inexistência de Receita de Conteúdos Premium Desportivos, em resultado da suspensão de competições desportivas e na diminuição da Receita de Roaming, com particular destaque para a ausência de turismo externo, e ainda pela impossibilidade de
viajar. Estes foram efeitos extraordinários, que se revestem de carácter colateral e exógeno à performance natural da Altice Portugal.

O EBITDA neste 2º Trimestre fixou-se em 201,2 milhões de euros, o que significou uma variação de -5,7% face ao período homólogo (213,3 milhões de euros). Este Trimestre apresentou uma inversão na trajetória de evolução positiva registada nos trimestres anteriores, especialmente no anterior, após o marco histórico de um crescimento +1,8%.

A evolução do EBITDA resulta sobretudo dos impactos já referidos na Receita e é adicionalmente impactado pela manutenção dos custos comerciais em resultado da forte atividade comercial de angariação que marcou este segundo trimestre de 2020.

O CAPEX realizado neste 2º Trimestre atingiu os 113,9 milhões de euros o que representa um crescimento significativo de +18,0 milhões de euros (+18,8%) face ao mesmo período do ano anterior. Isto revela que mesmo em contexto económico adverso a Altice Portugal não abrandou o ritmo de Investimento, mantendo inalterada a estratégia de investimento no país e no setor, continuando a aposta na expansão da infraestrutura de fibra em todo o país, no reforço da inovação tecnológica e na diversificação do portfólio de produtos e serviços.

A Altice Portugal atingiu no final do 2º Trimestre de 2020, a marca definida para 2020 de 5,3 milhões de casas passadas com Fibra, adicionando +194 mil novas casas neste trimestre, das quais +172 mil realizadas pela FastFiber.​
Durante os primeiros 6 Meses de 2020 foram disponibilizadas mais 376 mil casas passadas em Fibra, o que constitui um registo de cerca 90% das casas passadas em Fibra em 2019 (425 mil), o que demonstra a inequívoca aposta na infraestrutura de Fibra Ótica.

Segmento Consumo | 2T 2020
O Segmento Consumo encerrou o 2º Trimestre do ano com a Receita a fixar-se em 283,7 milhões de euros, o que resultou numa variação homóloga de -2,7% versus os 291,6 milhões de euros no 2T de 2019. A interrupção temporária da rota de crescimento resulta dos impactos inesperados da situação pandémica que penalizou as Vendas por encerramento das Lojas, inexistência de receitas de Canais Premium Desportivos por cancelamento das competições desportivas e por redução de Roaming por impossibilidade de viagens e turismo praticamente nulo.

Segmento de Serviços Empresariais | 2T 2020 
[Combina os Segmentos Empresarial – B2B, Wholesale e as restantes Unidades de Negócio da Altice Portugal] 
Neste 2º Trimestre, o Segmento de Serviços Empresariais atingiu um volume de Receitas de 215,9 milhões de euros que contrasta com os 230,1 milhões de euros conseguidos no mesmo período do ano anterior. Esta evolução homóloga representa uma variação de -6,2% que vem interromper 7 trimestres consecutivos de crescimento YoY. Tal como no Segmento Consumo os impactos da pandemia penalizaram a trajetória que foi habitual nos Serviços Empresariais nos trimestres passados, essencialmente por menores Vendas de equipamentos, pela inexistência de viagens e turismo com
consequente quebra no Roaming, pela não faturação de Canais Premium Desportivos e adiamento de decisões sobre adjudicação de negócios de elevada dimensão por parte de Clientes Top Corporate, acima de tudo, impactos resultantes da abrupta interrupção da normal atividade económica no país, que impactou especialmente o líder de Mercado.

Eventos marcantes no 2T 2020
  • Ao longo do 2º Trimestre de 2020 e apesar do momento inusitado que vivemos existiram vários eventos marcantes que devem ser destacados, nomeadamente:
  • A Altice Empresas em parceria com a "Páginas Amarelas" criou a solução Go-Online de apoio às PME portuguesas na transição digital. Esta solução integrada de marketing e vendas online permite criar websites com possibilidade de ecommerce, promover e vender os produtos e serviços da empresa, dar visibilidade nas redes sociais e dinamizar a interação com os clientes, distribuição e integração segura dos métodos de pagamento.
  • A solução SmartAL desenvolvida pela Altice Labs foi a vencedora do Desafio Santa Casa no âmbito da atribuição de soluções para combater o isolamento dos idosos.
  • Com o objetivo de melhorar a experiência de utilização TV, a Altice Portugal apostou no lançamento do canal exclusivo Disney Channel Family Fun, no MEO​ para a cobertura de 90 km de túneis da mina de Neves-Corvo. Esta solução permite melhorar a segurança dos colaboradores e as necessidades de coordenação permanente das operações realizadas por máquinas e equipas subterrâneas.
  • A Altice Portugal destaca-se pela realização da primeira chamada entre dois terminais VoLTE, uma tecnologia que permite fazer chamadas de voz ao longo de redes de dados 4G. A implementação do VoLTE permitirá a otimização da rede e fornecerá de forma consistente novas tecnologias, serviços e soluções que melhorem a experiência do utilizador final.
  • A Altice Portugal recebeu ‘luz verde’ da Autoridade da Concorrência para a compra de 51% da Blueticket, a maior empresa de bilhética do país numa aposta na diversificação e expansão do portfólio para novas plataformas, para oferecer os melhores conteúdos, produtos e serviços e proporcionar a melhor experiência aos seus clientes.
  • A Altice Portugal disponibilizou tecnologia ao Ministério da Saúde. Centenas de tablets e sistema de videoconferência foram colocados à disposição dos hospitais portugueses, assegurando a comunicação remota entre profissionais de saúde.
  • A Altice Portugal voltou a unir esforços para disponibilizar e colocar a tecnologia ao serviço das pessoas, numa iniciativa no âmbito do programa 65 Longe+Perto da Guarda Nacional Republicana, que visa promover o contacto dos idosos com a família e com quem mais gostam através de videochamadas, combatendo assim o isolamento desta população.
  • A Altice Portugal, através da marca SAPO, lança novo projeto que visa apoiar os mais de 750 órgãos de comunicação social local e regional existentes em Portugal, dando-lhes a oportunidade de virem a integrar a homepage do portal líder de audiências.
  • A Altice Portugal, em parceria com a APAV, a GNR e a PSP lançaram uma campanha de sensibilização para o combate à violência doméstica – “Dê a cara por quem não pode”.
  • A Altice Portugal apresentou nova campanha MEO "Liga-te de novo. Liga-te à vida", resultando num novo posicionamento da humanização da marca. O principal objetivo desta campanha é "ligar todos os portugueses a uma experiência mais humana, mais sensorial". A MEO torna-se uma das primeiras
  • marcas portuguesas a trabalhar a sua identidade multissensorial e a primeira a desenvolver uma identidade sólida binaural em 8D (efeito 360 e esférico).​​

 Modelo - Bloco Galeria

 

 

 ANEXOS

 

 

Resultados Altice Portugal - 2º Trimestre 2020Resultados Altice Portugal - 2º Trimestre 2020PDF1.48000000000000MB29/07/2020 23:00:00DD-MM-AAAAhttp://conteudos.telecom.pt/Documents/PT/media/comunicados/2020/julho/Altice%20Portugal_Resultados%202T2020_vCOMPLETA%20FINAL.PDF, http://conteudos.telecom.pt/Documents/PT/media/comunicados/2020/julho/Altice%20Portugal_Resultados%202T2020_vCOMPLETA%20FINAL.PDF

 Modelo - Bloco Colunas

 

 

Contacte-nosmedia-contacte-nos-bloco-1-colunaContacte-nos<p>Esclarecimentos ou pedidos de informação por parte da comunicação social sobre a Altice Portugal podem ser colocados aqui.​​</p>​http://base-tcom.telecom.pt/pt-pt/media/Paginas/contactos.aspx#form21, Consultar página Contactos00