15/11/2019

Resultados 3.º Trimestre da Altice Portugal

No 3.º trimestre de 2019, os resultados da Altice Portugal vêm reforçar o sucesso da estratégia definida e a consolidação do esforço realizado nos trimestres anteriores, resultando na inflexão dos resultados operacionais e financeiros. As receitas aumentaram +2,1% comparativamente ao 3º trimestre de 2018 e cresceram +2,8% comparativamente ao trimestre anterior. A trajetória iniciada no 4.º trimestre de 2017, reflete a recuperação e transformação potenciada pela estratégia da Altice Portugal, que conduz à afirmação cada vez maior da liderança no mercado de telecomunicações em Portugal.

Receita atinge 536M€ no 3T 2019, crescendo +2,1% face ao período homólogo e continua a manter a rota sustentada de evolução positiva, crescendo 15M€ (+2,8%) face ao trimestre anterior.

EBITDA atinge nos 9 meses um marco histórico, praticamente estável em termos homólogos, fixando-se nos 216M€ no 3T 2019 e crescendo +1,2% (2M€) face ao trimestre anterior.

  • Receitas crescem +2,1% YoY e +2,8% face ao 2T 2019;
  • EBITDA cresce +1,2% face ao 2T 2019;
  • Receitas Segmento Consumo crescem +0,9% YoY e +2,9% face ao 2T 2019;
  • Receitas Segmento Serviços Empresariais crescem +3,6% YoY e +2,6% face ao 2T 2019;
  • Segmento Consumo com crescimento da Base de Clientes pelo 8º trimestre consecutivo;
  • Altice Portugal registou 44% das adições líquidas do mercado no 3º trimestre, para o total dos serviços TV, Banda Larga Fixa, Voz Fixa e Móvel.

No 3.º trimestre de 2019, os resultados da Altice Portugal vêm reforçar o sucesso da estratégia definida e a consolidação do esforço realizado nos trimestres anteriores, resultando na inflexão dos resultados operacionais e financeiros. As receitas aumentaram +2,1% comparativamente ao 3.º trimestre de 2018 e cresceram +2,8% comparativamente ao trimestre anterior. A trajetória iniciada no 4.º trimestre de 2017, reflete a recuperação e transformação potenciada pela estratégia da Altice Portugal, que conduz à afirmação cada vez maior da liderança no mercado de telecomunicações em Portugal.

O EBITDA apresenta uma tendência significativa de melhoria nos últimos 7 trimestres, tendo crescido +1,2% no 3º trimestre face ao anterior, mas mais marcante é a estabilização do mesmo no acumulado dos 9 meses quando comparado com o período homólogo. Isto resulta do incremento das Receitas, do movimento de estabilização ao nível da Margem Bruta e Comercial e da manutenção do rigoroso controlo e disciplina ao nível dos custos operacionais, beneficiando igualmente do efeito do programa de saídas realizado no 1.º trimestre de 2019.

Destaques Operacionais | 3T 2019

  • No Segmento Consumo, 58% da Base de Clientes já se encontra sobre Tecnologia Fibra, aumentando +3 p.p. face ao trimestre anterior;
  • A Altice Portugal regista o total de 13,4 milhões de RGUs no 3.º trimestre de 2019,  apresentando um crescimento de 190 mil adições líquidas nestes 3 meses. Crescimento dos RGUs do negócio fixo em 38 mil no trimestre (serviços de voz, banda larga e TV), e 99 mil nos últimos doze meses. No terceiro trimestre de 2019, o negócio móvel trouxe mais 152 mil adições líquidas, das quais 56 mil em planos pós-pagos;
  • A Altice Portugal alcançou 4,8 milhões de casas com fibra passada neste trimestre, permanecendo ainda mais perto da meta de 5,3 milhões estabelecida para 2020. A estratégia comercial associada a fortes investimentos permitiu uma menor rotatividade (churn) e crescimento contínuo da Base de Clientes.

Os indicadores operacionais revelam-se, uma vez mais, claramente positivos, impulsionados pelo segmento Consumo, onde a base de clientes únicos cresceu +5 mil neste trimestre, juntamente com a convergência (+2,4 p.p., em comparação com o terceiro trimestre de 2018) suportada pela taxa de churn controlada a um nível reduzido, aliada a sólidas adições brutas. O foco claro na inovação, novos produtos e serviços e em todas as necessidades dos Clientes, permitiu atingir 58% em Clientes de Fibra no trimestre atual, um aumento de +9 p.p. nos últimos 12 meses. Os RGU de TV registaram mais 16 mil adições líquidas no terceiro trimestre de 2019 e as adições líquidas pós-pagas atingiram o valor mais alto nos últimos 8 trimestres (41 mil no terceiro trimestre de 2019).

No segmento B2B o desempenho operacional continua a evidenciar uma dinâmica positiva e crescente em todos os principais produtos. Os RGU TV continuaram a crescer a um ritmo de 4 mil por trimestre, desde o início do ano, e a Banda Larga registou 5 mil RGU adicionais por trimestre. No negócio móvel, o crescimento de RGU atingiu apenas 13 mil neste trimestre, mas precedeu a marca mais alta nos últimos 4 anos, de 38 mil no 2.º trimestre.

Segmento Consumo
As receitas do Segmento Consumo apresentaram um crescimento de +2,9% face trimestre anterior e de +0,9% em relação ao terceiro trimestre de 2018. Este desempenho é resultado de uma tendência de recuperação sustentada, baseada num crescimento contínuo na Base de Clientes, fixando-se em 1,6 milhões (+1,2% nos últimos 12 meses), alavancada nas novas entradas, mas também no excelente controlo dos desligamentos, o que permitiu um crescimento contínuo nos últimos 8 trimestres, traduzindo-se em +37 mil clientes desde o início de 2018, com o aumento substancial dos Clientes ligados em Fibra Ótica (fixando-se em 58% neste trimestre).
 
A convergência situa-se no 3.º trimestre de 2019 em 46%, +2p.p. face ao período homólogo, com clientes mais valiosos e com maior ciclo de vida, uma vez que os clientes convergentes têm menos de metade da taxa de desligamento dos restantes.

O Segmento Consumo regista à data 10,6 milhões de RGU, tendo crescido +34 mil RGUs Fixos e +139 mil RGUs Móveis, totalizando +173 mil adições líquidas no 3.º trimestre.

A Base de Clientes Móvel pós-pagos com 3 milhões de subscrições apresentou o maior incremento em 8 trimestres, +41 mil no 3º trimestre de 2019.

O Parque de Serviços TV no 3º trimestre de 2019 atinge 1,4 milhões de Clientes, +16 mil em adições líquidas, tendo o Segmento capturado nos últimos 12 meses cerca de 60 mil adições líquidas. 

Segmento Serviços Empresariais
[Combina os segmentos Empresarial – B2B, Grossista e as restantes Unidades de Negócio da Altice Portugal]

A receita do Segmento de Serviços Empresariais cresceu pelo quinto trimestre consecutivo quando comparada com o mesmo período do ano anterior, tendo aumentado +3,6% no 3º trimestre de 2019, sobretudo pelo forte aumento da Altice Labs, aliado aos desempenhos dos Segmentos Empresarial (B2B) e Grossista.

Em termos sequenciais, a receita do Segmento Serviços Empresariais teve um incremento de +2,6% no 3º trimestre de 2019, depois de um 2.º trimestre de crescimento.

Segmento B2B
Consolidação da liderança do mercado de telecomunicações, refletindo um forte desempenho operacional neste trimestre. A estratégia comercial com foco na convergência, no aumento da conetividade, na proximidade às necessidades dos Clientes Empresariais, lançando novas e mais abrangentes soluções de ICT, BPO, M2M/IoT, permitiu atingir este nível de resultados.
A atividade de telecomunicações manteve um sólido desempenho, consolidando a liderança de mercado da Altice Portugal em todas as principais linhas de negócios. No entanto, esse sólido desempenho operacional continua a ser enfatizado pela erosão de preços, devido ao ambiente competitivo existente sobretudo nos negócios conhecidos como “Telco Tradicionais”.

Segmento Grossista
Comparado com o trimestre anterior, as receitas do terceiro trimestre de 2019 aumentaram +11,5%, principalmente devido ao aumento sazonal das receitas de Roamers na rede da MEO durante o Verão e o tráfego doméstico relacionado com os concursos de TV. Na comparação homóloga, as receitas do terceiro trimestre de 2019 diminuíram 5,3%, uma vez que as maiores receitas de roamers na rede da MEO e do uso de infraestruturas por outros operadores não compensaram os impactos negativos da regulação (especialmente as reduções de preços de TDT e CAM) e o declínio nas receitas de linhas de acesso e circuitos de cobre alugados à Altice Portugal, dado que outros operadores portugueses continuam a substitui-los pela sua própria infraestrutura de fibra.

Altice Labs
O terceiro trimestre de 2019 confirma o crescimento sustentado como resultado do forte posicionamento do portfólio em todas as áreas, traduzido numa forte aceitação de mercado do portefólio de soluções óticas, complementado por sistemas de suporte a operações e sólida execução em soluções digitais e de Internet. As receitas aumentaram +30,0% no terceiro trimestre de 2019 em termos homólogos. As receitas do terceiro trimestre de 2019 ficaram alinhadas com o segundo trimestre de 2019, devido ao aumento das vendas de hardware, que compensaram a redução das receitas de serviços.

Depois de ultrapassar 1 milhão de clientes em fibra ótica em Portugal no 2º trimestre de 2019, a Altice Portugal manteve a expansão e aposta na tecnologia, na prossecução da liderança no mercado de TV nos próximos trimestres. O 3.º trimestre de 2019 foi marcado por diversos eventos:

  • Disponibilização de uma oferta de entrada de novos clientes diversificada, através de várias alternativas à oferta da primeira mensalidade: conteúdos desportivos (como é o caso do canal Eleven) em conjunto com canais na nova plataforma de streaming de vídeo “Meo Filmes&Series” desenvolvida internamente na Empresa; equipamentos como Smartphones e TVs; redução de preço com descontos mensais.
  • Considerável crescimento anual nas pré-vendas de smartphones de gama alta, superando os concorrentes nos números de vendas, prosseguindo o posicionamento como um retalhista de dispositivos de primeira linha.
  • Lançamento do “5G Living Lab” no campus da Altice Labs, permitindo a demonstração de casos de uso em missão crítica sustentados nesta nova tecnologia, que será expandida para a cidade de Aveiro, com o fim de ser utilizada pela comunidade de inovação para criação de novas soluções.
  • O MEO é o operador com menor número de reclamações por 1000 clientes, com uma redução de 32%, fruto da forte aposta da Altice Portugal na Qualidade de Serviço.

Estes números e conquistas são o resultado da estratégia de liderança encetada pela Altice Portugal, que se consubstancia em investimentos em rede, produtos mais inovadores, comprometimento na melhoria do atendimento ao cliente, crescimento sólido da base de clientes e liderança no crescimento de aquisições de mercado.

Principais eventos no 3T 2019

  • A Altice Portugal inaugurou o projeto itinerante da Fundação Altice que visa viajar por Portugal, trazendo para cada cidade uma exposição tecnológica dos diversos projetos e iniciativas da Fundação e diversas atividades culturais, educacionais e lúdicas. A iniciativa apresenta soluções de literacia digital num camião TIR. Com este projeto sem precedentes, a Altice Portugal contribui para o aumento do conhecimento digital, levando a tecnologia aos lugares mais remotos do território português, garantindo igualdade de acesso à mesma.
  • Reforço da promoção do Programa MEOS, de Fidelização de Clientes via acumulação de Pontos, relançado no 2º trimestre. Esta ação permitiu ultrapassar o número de 2 milhões de membros, que têm à sua disposição, entre outros benefícios, a aquisição de equipamentos topo de gama com descontos muito significativos, até 50% em alguns casos.
  • Continuação do Projeto de renovação das Lojas MEO na adaptação ao conceito de proximidade com o Cliente para mais duas lojas (Arrábida Shopping em Porto e Santarém), sem barreiras físicas entre clientes e profissionais, promovendo a experiencia com os produtos oferecidos mediante a interação direta com os mesmos. Paralelamente, foram também atualizados os terminais de pagamento POS, ampliando a aceitação de todos os tipos de pagamento. As Lojas aceitam agora pagamentos por NFC ou QR Code (Apple Pay, Samsung Pay, Google Pay, MB Way e outros), além de pagamentos com cartões internacionais.

 Modelo - Bloco Galeria

 Modelo - Bloco Colunas