21/05/2020

Mensagem do Presidente Executivo da Altice Portugal

O contexto inédito em que estamos a viver, além de inesperado, tem evoluído de forma muito rápida, exigindo à Altice Portugal uma capacidade reforçada de criar as condições necessárias para que, não só na Empresa, como no País, tudo decorra com a normalidade e a celeridade exigidas. A saúde e o bem-estar são preocupações dominantes neste tempo atípico que a todos impôs uma realidade muito diferente daquela que conhecemos. Em apenas dois meses tudo mudou de forma abrupta nas nossas vidas pessoais, nas nossas empresas, no nosso País, no Mundo. Fomos obrigados a adaptarmo-nos e a reinventarmo-nos perante as exigências de algo que nos transcende.

Na Altice Portugal, sabemos que temos um papel fundamental a desempenhar neste cenário de crise pandémica e sabemos que temos uma responsabilidade acrescida num Mundo e  que as comunicações se tornaram indispensáveis, quer para a estabilidade emocional dos portugueses, quer para assegurar com eficiência a continuidade dos negócios das empresas.

O nosso compromisso foi, desde o primeiro momento, investir e reforçar as nossas redes e na sua segurança, e colocar a nossa melhor tecnologia ao serviço do País e de todas as entidades envolvidas no combate à COVID-19, em áreas como a Saúde, Proteção Civil e Forças de Segurança Públicas. Mas também nos focámos na gigantesca operação em curso junto de todas as casas e empresas nacionais, para assegurar com eficácia a telescola, o teletrabalho, e todas as tecnologias que permitam manter os negócios em atividade, como o comércio eletrónico e a conectividade em geral.

O nosso lema sempre foi o de não ter um país a duas velocidades e o investimento que nos últimos anos realizámos em infraestruturas de comunicações ganha hoje uma importância fundamental na garantia do teletrabalho, do ensino à distância ou em ações na área da saúde e da solidariedade social. Quando dotámos o país com a maior e mais moderna rede de Fibra Ótica, sem qualquer discriminação regional, mesmo nas áreas mais remotas, num investimento superior a 2 mil milhões de euros, e que chega hoje a 5,1 milhões de lares e empresas, estávamos a dar às empresas e ao país uma capacidade de resposta que agora se tem revelado vital. E este investimento deve continuar!

Dando provas de uma capacidade de transformação ímpar, não apenas conseguimos, em tempo recorde, adaptar uma grande parte das nossas operações a um regime de trabalho feito à distância, como criámos condições para que também os nossos clientes sintam o menos possível os efeitos desta crise sem precedentes, absorvendo os enormes crescimentos de tráfego nas nossas redes e assegurando o desempenho das mesmas de forma irrepreensível, mesmo nestas condições extremas.

Hoje, começamos a ver os primeiros passos de retoma a serem dados. A nossa maior atenção está, naturalmente, focada no presente. Contudo não podemos deixar já de pensar no futuro, um futuro que será diferente, mas que trará certamente um novo mundo de oportunidades e também de novas formas de pensar e de operar, em que a Transformação Digital será já uma realidade e um fator crítico de sucesso e diferenciação.

A Altice Portugal tem vindo a cumprir, trimestre após trimestre, todas as metas e estratégia definidas. Pelo quinto trimestre consecutivo as nossas Receitas continuam na rota do crescimento fixando-se agora em 522,3M€, o que representa um aumento de +2,6% face ao trimestre homólogo. Este primeiro trimestre do ano revela não só a consolidação da performance da Empresa como a inequívoca sustentabilidade do seu desempenho financeiro e operacional, ao vermos reforçada a nossa liderança indiscutível no mercado.​

Estes indicadores, fundamentais para o futuro, não só traduzem a resiliência do Grupo Altice, como reforçam o papel da Altice Portugal enquanto pilar da Economia e Sociedade do nosso País.

É por isso fundamental que todos tenhamos a capacidade de combinar a adversidade com oportunidades. Tenho a certeza de que nada vai ser como antes desta crise, e quando ela passar vamos ter de continuar a utilizar mecanismos antes não usados. É necessário que o Estado ajude e contribua para a igualdade de acesso a Redes de Nova Geração, algo que a Altice Portugal tem vindo a fazer nos últimos dois anos, e que se combata de vez a iliteracia digital.

O nosso compromisso mantém-se e reforça-se. Continuaremos focados na procura e na implementação das melhores soluções para os nossos clientes e parceiros. Porque somos líderes, resilientes e audazes, estamos confiantes de que sairemos vencedores desta situação.

Estamos cá, estivemos sempre cá, e vamos continuar. Este é o nosso compromisso!
Alexandre Fonseca

 Modelo - Bloco Galeria

 Modelo - Bloco Colunas

 

 

Contacte-nosmedia-contacte-nos-bloco-1-colunaContacte-nos<p>Esclarecimentos ou pedidos de informação por parte da comunicação social sobre a Altice Portugal podem ser colocados aqui.​​</p>​http://base-tcom.telecom.pt/pt-pt/media/Paginas/contactos.aspx#form21, Consultar página Contactos00