02/08/2022

Altice Labs participa na criação de uma rede de comunicação quântica em Portugal

​​​​​No âmbito da primeira convocatória do Programa Europa Digital, o primeiro segmento da rede europeia de comunicação quântica em Portugal (PTQCI) foi adjudicado pela Comissão Europeia, no dia 15 de julho, a um consórcio no qual a Altice Labs está envolvida.

​O PTQCI lançará a base da componente nacional para aquela que será a Infraestrutura de Comunicação Quântica Europeia (EuroQCI). O objetivo passa por implementar a primeira infraestrutura de comunicação quântica ultra segura a nível nacional, através de ligações terrestres, que pretende preparar também a ligação espacial, utilizando tecnologias como a Distribuição Quântica de Chaves Criptográficas (QKD).

A Altice Labs é um parceiro-chave no desenvolvimento do PTQCI devido à su​a competência e ao seu know-how na área das Redes Definidas por Software (SDN). Este laboratório de inovação terá responsabilidade na definição, implementação e testagem de uma solução de rede robusta, resiliente e flexível.

O consórcio do projeto, liderado pela Deimos Engenharia, é composto por relevantes organizações públicas e privadas portuguesas em tecnologias de telecomunicações e segurança em Portugal: Gabinete Nacional de Segurança, Deimos Engenharia, IP TELECOM, Altice Labs, Instituto de Telecomunicações, Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores - Investigação e Desenvolvimento, Adyta, Instituto Superior Técnico, Fundação para a Ciência e Tecnologia, Warpcom, Omnidea, Instituto Superior de Engenharia de Lisboa, Instituto Português da Qualidade e Portuguese Quantum Institute.

O PTQCI tem como base o DISCRETION, um projeto iniciado em dezembro de 2021, no qual a Altice Labs também participa, e que visa o desenvolvimento de comunicações quânticas para a área da Defesa. O DISCRETION está já a implementar uma rede resiliente sobre infraestruturas de fibra ótica existentes em Portugal, ligando diferentes organismos públicos na área metropolitana de Lisboa, e, também, uma rede de bancos de ensaio envolvendo intervenientes académicos e privados. Um dos nós QKD a desenvolver no DISCRETION será também implantado na rede PTQCI.
 
Este projeto prevê várias fases de implementação, devendo estar completo até 2026.